The Midnight Flower

Por Laila Flower

Há mais ou menos um ano a igreja em que eu congrego tem sofrido mudanças drásticas: todos os missionáros americanos que nos auxiliavam e pastoreavam foram retirados. A idéia da igreja americana é realocar pessoal e recursos para locais onde há mais necessidade de missionários. Achei totalmente plausível.

Contudo, estamos passando por um momento complicado desde então. Tivemos de assumir a igreja e todos tiveram de trabalhar para sua organização. Muitas pessoas não estavam preparadas para encarar uma situação onde teriam de trabalhar, colocar as mãos na massa. Muitos saíram, alguns com a desculpa de que "não se sentiam mais bem lá", e também que "a igreja está bagunçada, vou procurar uma organizada". Outros ainda foram porque "meu amigo saiu, vou com ele". Chato isso não?

Bem-vindos à visão de IGREJA atual. A igreja se tornou um utilitário - você vai enquanto se sente bem. Desculpe minha honestidade, mas a real é que muitas pessoas querem é uma espécie de clube cristão, não igreja.

A igreja desde os tempos de Atos e uma "aglomeração cristã", onde todos auxiliavam-se mutuamente, buscavam o interesse do outro ao invés do seu, suportam (de "dar suporte") uns aos outros em amor. Mas não é o que as pessoas querem atualmente. Elas querem um lugar onde se sentem bem, onde tem amigos, onde podem participar de um ministério. Ou seja, um clube.

Isso é, as pessoas querem um lugar para preencher elas, não servir a Deus. Porque se estão servindo a Deus, vão estar onde Ele quer, vai fazer o que Ele manda, vai anular sua própria vontade para fazer a Dele. No momento em que alguém coloca "não ME sinto mais em família aqui, vou sair", o motivos são DELA.

Brigou com irmão? Os amigos não estão mais lá? Não gosta do estilo da música? Não gosta do estilo de pregação do pastor? Não se sente utilizado nos ministérios? Não é perto da sua casa? Sorry, isto não é motivo para que você mude de igreja. Porque todos estes motivos são particulares. Se eu tenho de ficar em uma igreja, apesar de tudo isto, estou fazendo o MÍNIMO sacrifício que poderia fazer para Deus.

Jesus fez um enorme sacrifício na cruz, sofreu muito mais do que poderíamos imaginar, suportou a dor da tortura, suportou ver o Pai abandoná-lo por causa dos pecados que carregava...e nós achamos que estamos sofrendo demais só por causa de motivos pessoais?

Talvez nem todo mundo entenda mas igreja não tem a ver com o que você sente, tem a ver como o Pai se sente. E se o próprio Jesus aguentou a morte na cruz para ser obediente ao Pai, nós estamos "livres" para mudar de igreja apenas por circunstâncias ruins? Acabam ignorando que o Pai é quem deve nos colocar onde Ele vê a necessidade, onde Ele quer nos fazer frutificar.

As pessoas trocam de igreja conforme sua conveniência, seu gosto pessoal...mas se realmente são servos, devem perguntar para Deus onde Ele quer, independente da distância da sua casa, se é o tipo de música ou pregação que você gosta, se tem irmãos legais ou chatos, se você se sente bem lá.

Eu já passei por uma situação onde perguntei para Deus se eu deveria ir para uma outra igreja e Ele me confirmou que eu deveria ficar onde eu estava. Seria muito mais fácil para mim mudar, afinal a outra igreja encaixava melhor nos meus gostos. Mas eu deveria ir só porque eu me sentia melhor na outra? Não! Deus é quem decide onde Ele me quer.

A sua igreja está pregando um desvirtuamento da Bíblia? Ahhh, esse é um bom motivo para sair. A doutrina da igreja me leva a pecar? Outro motivo. Mas isso é relacionado ao Pai, e não a ti.

Cuidado para não desobedecer. Seja um servo.

5 comentários:

Oi Laila, você escreve muito bem, e soube expressar algo que eu e mais um montão de gente está sentindo.

Bjo

Laila, nós "da antiga" temos um nome para esses: é o CRISTÃO PIPOCA pois se a chapa esquentar, ele já sai pulando logo. Infelizmente as agruras que a vida nos impõe nos forçam a passar por essas situações. Mas são poucos os que realmene podem ser chamados de SERVOS. O objetivo de um servo é ajudar a obra do seu Senhor! A igreja ela existe e subexiste por conta dos servos! E não é esses que querem uma vida fácil com tudo sendo entregue de bandeja que a igreja vai continuar existindo. A esses, meu sincero sorriso triste pois é impossível que vocês se achem bem em qualquer igreja. A todos que perseveram na fé, aproveitem do gozo do seu Senhor.

Graça e Paz!
Pastor Claybom

Laila, parabéns pelo texto.

Ótimo texto, se algo está errado na igreja não é a nossa fuga que vai fazer melhorar!

valeu pelo comentário no meu blog também! :]

A regra é clara. Estamos na Igreja por causa de Deus, não por causa de homens.